Publicado em Sem categoria

A dissertação sobre o nosso experimento está disponível

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto


Olá pessoas, como vão?

Por aqui tem sido uma correria, o final do mestrado passou e já logo me inseri em um programa de doutorado dentro da nossa UFMG mesmo (o de Psicologia: Cognição e Comportamento) 🤩. Como todo iniciozinho é mais demandante já que novos ajustes tem que ser feitos nas nossas vidas (em especial na rotina) e algumas burocracias básicas têm de ser cumpridas, não consegui trazer uma nova postagem no mês passado (e só estou trazendo a nova ao final do mês) :(. Mas trago a minha dissertação para vocês, ela está facilmente disponível para o público interessado agora. 😎

Por enquanto, vou disponibilizar para vocês apenas o link 🔗 para o PDF da minha dissertação. A ideia de disponibilizar vídeos breves 🎞 🎬 relatando e explicando os resultados e desdobramentos, no entanto, permanece. Pretendo voltar a produzi-los quando houver maior disponibilidade de tempo ;).

A dissertação recebeu o título de “Conformidade de memória: as influências de informações provindas de fontes externas confiáveis e não-confiáveis durante o reconhecimento” para acessar o PDF basta clicar sobre o título ou, se preferir, pode conferir antes a pagina de registro da dissertação no repositório da UFMG: https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/39316 🔗

Então é isso, pessoal! Por hoje é só!

Até breve 👋

Autor:

Comecei a pesquisar sobre memória desde os primeiros períodos da minha graduação em Psicologia na UFMG e sigo pesquisando sobre tanto dentro da Psicologia/Neurociências e, eventualmente, da Literatura. Sou bacharel em psicologia pela UFMG, especialista em saúde mental e atenção psicossocial pela Estácio e, mestre em neurociências pela UFMG. Fiz um período de intercâmbio no Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). E agora, também, escrevo sobre memória no nosso blog ;)

Deixe um comentário ;)